Começar um ciclo

Objetivos

Garantir a adequada transição entre níveis/ciclos de ensino, através de um acompanhamento pedagógico dos alunos.

Promover a coerência na sequencialidade das etapas com vista a facilitar a progressão gradual das aprendizagens e do desenvolvimento de competências.

Descrição

Os anos de início de ciclo têm revelado índices de insucesso escolar que importa ter em consideração neste momento em que as aprendizagens terão sido mais afetadas neste contexto pandémico.  A promoção de uma adequada transição entre ciclos de ensino que envolva medidas de acompanhamento e promoção do sentido de pertença, bem como de articulação entre os docentes que estiveram e vão estar com os alunos, permitirá consolidar percursos educativos contínuos que capitalizem o conhecimento detido pelos docentes em relação a cada um dos seus alunos potencializando, assim, uma intervenção mais atempada ao nível da recuperação das aprendizagens.

Não sendo um ano de início de ciclo, a transição para o 3.º ano de escolaridade, pela natureza das aprendizagens a desenvolver, deverá ter também uma atenção especial.

Neste âmbito, deverão ser equacionados projetos e iniciativas que facilitem a transição entre ciclos/níveis de ensino, designadamente ao nível da organização do ambiente educativo seguinte e do funcionamento da escola, promovendo o bem-estar dos alunos, bem como ao nível da gestão pedagógica.

 

Benefícios e Impactos

Uma adequada transição entre ciclo/nível de ensino proporcionará aos alunos percursos pedagógico-didáticos significativos e uma adequada integração de cada um.

Medidas

Roteiros sobre diferentes modelos, estratégias de apoio à transição de ciclos, bem como exemplos de práticas de referência (a partir de julho de 2021).

Webinários, seminários e sessões práticas (a partir de setembro de 2021).



Eixo
Ensinar e Aprender
Domínio
1.2. + Autonomia Curricular